Gerenciador Financeiro GFIL

Site Oficial do Sistema GFIL

Gerenciador Financeiro GFIL - Menu Principal

Manual de Ajuda do Sistema GFIL



Imprimir ou Gerar .pdf de todo o Manual

Atenção: as orientações abaixo só serão 100% corretas se seu GFIL estiver atualizado na última versão -> 10.12.17

GFIL - Manual de Ajuda

Tópico Nº: 114 - Título: Posso integrar o GFIL a um TEF?

Sim, o sistema oferece essa opção de integração pelo método "TEF Dial", ou seja, com troca de arquivos locais.

Observação inicial: logicamente que a aquisição do sistema gerenciador TEF, bem como os equipamentos necessários, gerará custos junto aos fornecedores. Porém, é importante lembrar que, na maioria dos casos, a utilização de um sistema de transferência de fundos (TEF), no final das contas acaba se tornando mais em conta, principalmente por causa das taxas de administração que são cobradas tanto no caso de sua empresa utilizar TEF, como se for utilizar maquininhas avulsas, mas, no caso do TEF, essas taxas tendem a ser sempre menores.
Além disso, com o TEF você terá sempre disponíveis vários relatórios on line de todas as operações feitas no dia, no dia anterior, no mês, no mês anterior, etc., o que torna muito mais fácil administrar e acompanhar os pagamentos e taxas pagas.

Para implantação do TEF você poderá adquiri-lo diretamente de um fornecedor seu, ou entrar em contato com uma de nossas revendas, listadas no site GFIL, para realizar todo o procedimento.
Obs.: o desenvolvedor GFIL não comercializa TEF e tampouco equipamentos.

Muito bem, vamos aos detalhes da parte operacional no sistema.
No GFIL não há muita coisa que precise ser configurada.
Basta acessar o módulo de parâmetros gerais, localizar o grupo de dados "TEF" que está na aba "De Vendas" e, no campo tipo, selecionar gpTefDial. Você também deve indicar a impressora onde serão impressos os comprovantes do TEF em cada operação.
Obs.: sem impressora os pagamentos não serão finalizados.

Configuradas essas duas informações, a partir daí, toda operação de recebimento em vendas, ordens de serviço, comandas ou locações com os códigos 2, 3 e 5, o GFIL direcionará a operação para o gerenciador do TEF, o qual deverá retornar com os dados da autorização da operadora do cartão.

A operação TEF propriamente dita, ou seja, a autenticação do cartão, da senha do cliente, bem como a efetivação da operação junto a operadora do cartão, esse processo não é realizado pelo GFIL e sim pelo seu sistema gerenciador do TEF, que será instalado em seu computador pelo fornecedor que você contratou conforme detalhado na observação inicial acima, o qual também deverá lhe prestar todo o suporte técnico desse gerenciador.

Observações
- A pasta/diretório de troca dos arquivos (GFIL x Gerenciador TEF) deverá ser sempre C:\Tef_Dial. Portanto, no seu sistema gerenciador do TEF, deverá estar configurado esse caminho;
- A configuração do TEF no GFIL atinge todas as máquinas da rede. Se você tiver mais de um computador utilizando o GFIL, deverá ter o TEF em todos eles ou em nenhum;

Ajude-nos a melhorar esta ajuda. Envie crí­ticas e sugestões para sugestoes@sistemagfil.com.br.