Gerenciador Financeiro GFIL

Site Oficial do Sistema GFIL

Gerenciador Financeiro GFIL - Menu Principal

Manual de Ajuda do Sistema GFIL



Imprimir ou Gerar .pdf de todo o Manual

Atenção: as orientações abaixo só serão 100% corretas se seu GFIL estiver atualizado na última versão -> 10.12.17

GFIL - Manual de Ajuda

Tópico Nº: 169 - Título: Posso alterar os dados de registro de minha licença de uso do GFIL?

Sim, alguns dados são passíveis de alteração e outros não, a saber:

  1. CNPJ da licença: não pode ser alterado. Conforme consta no contrato de uso do sistema, depois de registrada, a licença é instransferível e, por isso, o CNPJ não pode ser alterado, mesmo que o novo CNPJ seja de empresa sucessora.

    Se ocorrer a situação em que você tenha uma licença que está registrada em um CNPJ e deseja aproveitar toda base de dados cadastrados no sistema em outro CNPJ/CPF, será possível você alterar no GFIL, desde que o novo CNPJ/CPF tenha também uma licença registrada. Nesse caso, em nosso site, no menu "Licença de Uso --> Onde Comprar", entre em contato com uma de nossas revendas para adquirir a nova licença. Após a licença do novo CNPJ/CPF estar liberada, acione o menu "Sistema -> Licença de Uso -> Liberar" no seu GFIL, altere a informação do CNPJ e faça a liberação da licença para gravar esse novo CNPJ/CPF no sistema.

    ATENÇÃO: Se você já emitiu alguma nota fiscal ou outro documento eletrônico em produção no GFIL, então NÃO será possível alterar o CNPJ e manter todos os demais dados. Nesse caso a sugestão é importar os cadastros seguindo as orientações do tópico 89 do manual de ajuda;


  2. CPF: Pode ser alterado no programa, mas antes disso precisa ser atualizado no sistema de registros de licenças do desenvolvedor. Quando a empresa usuária do GFIL quer iniciar a utilização do sistema, mas ainda não tem um CNPJ, é permitido registrar a licença com um CPF e, depois, quando tiver seu CNPJ liberado, alterar a licença registrando o CNPJ. Para efetuar a alteração no sistema de registro, você deve efetuar uma solicitação ao desenvolvedor acionando o menu "Sistema -> Licenças de Uso -> Dados Cadastrados no Registro". Nessa tela, clique no botão alterar que está do lado do campo CPF. Será enviada uma solicitação de alteração do seu registro ao desenvolvedor. Após essa alteração ter sido processada, você será comunicado e poderá alterar esse mesmo dado em seu GFIL através do menu "Sistema -> Licença de Uso -> Liberar". Altere o campo de pessoa física para jurídica, informando o CNPJ e faça a liberação da licença para gravar esse novo CNPJ no sistema;


  3. Nome fantasia: Pode ser alterado no programa, mas antes disso precisa ser atualizado no sistema de registros de licenças do desenvolvedor. Para efetuar a alteração no sistema de registro, você deve efetuar uma solicitação ao desenvolvedor acionando o menu "Sistema -> Licença de Uso -> Dados Cadastrados no Registro". Nessa tela, clique no botão "Alterar" que está do lado do campo do nome fantasia. Será enviada uma solicitação de alteração do seu registro ao desenvolvedor. Após essa alteração ter sido processada, você será comunicado e poderá alterar esse mesmo dado em seu GFIL através do menu "Sistema -> Licença de Uso -> Liberar". Altere o nome fantasia e faça a liberação da licença para gravar esse novo nome fantasia no sistema;


  4. Email de contato: Esse dado existe apenas no sistema de registros do desenvolvedor. Para efetuar a alteração no sistema de registro de licenças, você deve efetuar uma solicitação ao desenvolvedor acionando o menu "Sistema -> Licença de Uso -> Dados Cadastrados no Registro". Nessa tela, clique no botão "Alterar" que está do lado do campo do email. Será enviada uma solicitação de alteração do seu registro ao desenvolvedor. Após essa alteração ter sido processada, você será comunicado e seu cadastro junto ao desenvolvedor estará atualizado.

    Observação: caso sua licença esteja vinculada a uma revenda GFIL, a alteração dos dados dos campos do nome fantasia e e-mail pode ser solicitada diretamente à revenda que lhe assiste. Caso sua licença estava vinculada a uma revenda e agora sua revenda é outra ou ainda não há nenhuma revenda que lhe assista, solicite primeiro a alteração da revenda vinculada.;



  5. Revenda vinculada: Como é amplamente divulgado, inclusive consta no contrato de uso do GFIL, o atendimento disponibilizado pelo desenvolvedor é bastante limitado e específico. Por isso é recomendável, mas não obrigatório, que você tenha uma revenda GFIL que lhe assessore quando necessário. Se você recebe periódica ou eventualmente orientações de uma revenda, deve também ter essa revenda vinculada em sua licença de uso. Para efetuar essa vinculação no sistema de registro de licenças, você deve efetuar uma solicitação ao desenvolvedor acionando o menu "Sistema -> Licença de Uso -> Dados Cadastrados no Registro". Nessa tela, clique no botão "Alterar" que está do lado do campo da revenda vinculada. Tenha em mãos o código da nova revenda a ser vinculada. Será enviada uma solicitação de alteração do seu registro ao desenvolvedor. Após essa alteração ter sido processada, você será comunicado e seu cadastro junto ao desenvolvedor estará atualizado. Mesmo que você já esteja vinculado a uma revenda, se sua empresa optar pelo suporte de outra revenda, será possível alterar essa vinculação para outra revenda ou ainda para nenhuma revenda.



Ajude-nos a melhorar esta ajuda. Envie crí­ticas e sugestões para sugestoes@sistemagfil.com.br.